Os deuses que não precisamos.

>> domingo, 24 de abril de 2011

Do que me vale tudo o que conquistei?
Do que me valem tantas amizades?
Do que me vale a família?
Tudo só terá valor se o doador de todas as coisas me acompanhar. Jesus eu te quero onde eu estiver. Quero refletir tua paz e exalar teu perfume. Quero alcançar outras pessoas através do teu amor, pois fui alcançado e amado.
Eu não preciso mais de um deus-médico para quando eu estiver doente; Não desejo mais um deus-advogado só para me defender de acusações; não quero um deus-policial para punir meus inimigos e não quero um deus-juiz para minhas causas impossíveis.
Infelizmente, alguns cristãos tem vendido essas figuras sobre Deus, limitando-o. Acreditando em um deus que assume papéis limitados, que vai de banqueiro a gênio da lâmpada, que realiza todas suas vontades.

Pessoas nascem e cumprem seu ciclo natural, até a morte dentro de uma igreja sem realmente saber o porquê de a freqüentarem assiduamente ou por quem clamam calorosamente por tanto tempo. Falsos deuses ou metade de um Deus lhes têm sido apresentados. Temo que na “cega inocência” de sua vivência muitos estejam se perdendo dentro de seu fanatismo.
Onde estão os leitores da bíblia que descobriram sobre o Deus companheiro? - Eu Descobri sobre um Deus que pode até permitir que você seja lançado em uma cova de leões, porém, não te deixa desamparado, Ele entra contigo lá dentro. Eu quero este Deus. Quero o Jesus que recebeu nomes/adjetivos. Quero o Jesus Maravilhoso – pra quando eu olhar para o mar, para as estrelas e a imensidão das galáxias e não conseguir definir tanta beleza, este nome por si só se explique; Preciso do Deus Conselheiro – aquele que me ilumina nas horas em que devo tomar decisões difíceis, que me ajuda a por em ordem meus pensamentos e sentimentos; preciso do Deus Forte – para me carregar em seus braços quando meu corpo estiver exausto e eu não puder mais caminhar; o Pai da Eternidade – o que me foi preparar lugar nas mansões celestes e me garante a vida eterna. O que está rodeado por anjos, que o adoram incessantemente por todo o sempre; anseio conhecer o Príncipe da Paz – que me garante tranqüilidade mesmo que o mundo esteja desabando sobre mim. O que é meu esconderijo e que me abriga sob suas asas.

Eu preciso de um Deus completo. Um que me ame e que não tenha em suas mãos somente dinheiro, saúde, alegria, prosperidade ou qualquer outro tipo de bem material. Eu quero um Salvador que, mesmo quando tudo me faltar e eu não o puder mais ver, quando eu pedir que ele me mostre o quanto me ama, Ele tão somente aponte para a cruz e me diga: Foi por você!


@WesleyDucs


Por Wesley Oliveira

3 comentários:

_Bruny_ 19 de outubro de 2011 16:42  

Encontrei o blog de você por acaso no face... como são lindas as surpresas de Deus, amei encontrá-los! Um blog conjunto era um sonho que eu sempre quis realizar com meus amigos e agora vejo que é possível sim fazer essa ideia. Que o Senhor continue abençoando vocês imensamente, dando inspiração para cada postagem e que sejam conhecidos mundialmente mesmo, como jovens que optaram por viver plenamente o evangelho gerando frutos genuínos! Gostei muito desse post que li, não devemos buscar um rótulo de Deus e sim buscá-lo integralmente, é preciso voltar a essência da adoração, que não está em belas canções ou danças mas em tempo investindo contemplando Deus como Ele é, exaltando-O pelo simples fato de eu ter vida por meio dELE...

Tais 1 de novembro de 2011 09:46  

Gostei muito daqui que Deus te abenç
visite tbem http://taymorena17.blogspot.com/

evinha 24 de novembro de 2011 14:43  

Nossa que texto maravilhoso, bem realista eu amei, as pessoas hoje em dia só vai para igreja a traz de cura e bençãos materiais e acaba esquecendo que o único motivo de estar lá e para adorar aquele que é digno de toda honra e toda glória devemos entregar o nosso melhor a Deus sem querer nada em troca.

Postar um comentário

  © Blogger template Simple n' Sweet by Ourblogtemplates.com 2009

Back to TOP